O enxadrista Renan de Souza Stockler Morais nasceu em 25 de março de 2007 em Itajubá, sul de Minas Gerais.  Conheceu os tabuleiros com seu avô paterno e logo se interessou. Começou a jogar xadrez com pouco mais de seis anos. Iniciou suas aulas no colégio em que estuda. Desde então, destacou-se não apenas pela pouca idade, mas pelos resultados no tabuleiro. Renan conquistou resultados expressivos:  5º lugar - 1º ano do Ensino Fundamental Masculino em 2013  no Campeonato Brasileiro de Xadrez Escolar em Betim/MG (seu primeiro torneio); sétimo melhor enxadrista do mundo na categoria sub 07 no X Campeonato Mundial de Xadrez Escolar 2014 – I Festival Internacional de Xadrez de Juiz de Fora e melhor brasileiro colocado da categoria;  vice-campeão brasileiro categoria sub-08 FENAC 2015 em São Paulo/SP, título de campeão mineiro invicto em 2015, campeão brasileiro – 3º ano do Ensino Fundamental no Campeonato Brasileiro de Xadrez Escolar 2015 em São Sebastião do Paraíso/MG; vice-campeão sub 10 FENAC 2016 em São Sebastião do Paraíso/MG.

Em 2015 Renan disputou a categoria sub 08 e participou de todas as nove rodadas do 26º Pan-Americano de Xadrez em Cali, na Colômbia. Ele liderou o torneio durante as seis primeiras rodadas, iniciando a sétima rodada como líder isolado do torneio, no entanto terminou as nove rodadas com sete vitórias e duas derrotas. Mas isso não apagou o feito inédito do enxadrista. Renan foi um dos três melhores enxadristas de todas as américas por ter terminado na terceira colocação. Ele foi o único entre todos os 19 enxadristas da delegação brasileira a conquistar uma premiação neste torneio. O atleta foi o melhor brasileiro no torneio já na sua primeira participação em um Pan-Americano, simplesmente o torneio mais difícil em termos técnicos disputado nas américas justamente por reunir todos os campeões nacionais de seus respectivos países. Devido a seu brilhante desempenho no Pan-Americano, Renan foi reconhecido e obteve o título de CANDIDATE MASTER (CM), que é a primeira titulação outorgada pela FIDE aos enxadristas do mundo todo. Com esse título, Renan foi na época o enxadrista mais novo do Brasil a ter título da FIDE. Ele entrou para um seleto grupo de Grandes Mestres e Mestres do Brasil.

Depois de dois anos longe dos tabuleiros (2016-2017), o enxadrista retornou com excelente desempenho. Participou do Campeonato Brasileiro de Xadrez Escolar 2018 na cidade de Caxambu/MG e conquistou quatro vitórias e um empate, ficando apenas com uma derrota, ocupando a sexta colocação; campeão sub-11 do Campeonato Itajubense de Xadrez Escolar 2018; campeão Mineiro sub 12 absoluto no Festival Mineiro da Juventude de Xadrez Clássico 2019, conquistando mais um outro título: o de CME-MG (candidato a mestre estadual).

O atleta participa de diversos outros pequenos torneios em sua cidade natal e em cidades da região do sul de Minas e do vale do Paraíba. Continua se dedicando e aprimorando suas habilidades a fim de sempre melhorar seu desempenho nos tabuleiros.

Av. Olegário Maciel, 311 sala 108. Centro. Belo Horizonte - MG - CEP 30.180-110 .